O Papa


O Papa  imagem: The Oswald Wirth Tarot - U.S. Games

Por exemplo: o Mago especula um negócio, a Sacerdotisa (Papisa) estuda a documentação, a Imperatriz faz a negociação e o Imperador abre a empresa. [Nei Naiff – Tarô Vida & Destino, p. 64, Ed. Elevação, 2001]

Eu acrescento à vã filosofia que o empreendedor Arcano IIII, certamente contrataria o Arcano V - O Papa para ser o gerente, pois este nosso amigo ordena, disciplina, cumpre retamente o que lhe atribuírem e de quebra, tem elevada fé no que faz... mas ao seu modo, sendo justo e de confiança irrepreensível e inquestionável.

Quem é ele? O baluarte da moralidade! Aquele que deseja o máximo de poder pessoal para empregar no bem coletivo, diz meu autor preferido. Em Tarôs tradicionais ou clássicos é representado por um homem de meia idade, vestido de trajes sacramentais, aludindo ser um alto representante espiritualizado, defensor de algum dogma num grupo social. Chama atenção a postura discursiva para duas pessoas de costas e supostamente ajoelhadas, ou em patamar inferior a ele, como em submissão, recebendo reprimenda ou orientação. Este Arcano é tido como professor e disciplinador. 

Segura um báculo sacerdotal como símbolo de relevância transcendental neste plano e com poder postergado por outros homens para representar o Indizível sobre os demais. Um barrete alto e cônico sobre a cabeça reforça o ponto de sua graduação e preparo intelectual, moral e espiritual. Salvaguarda às costas, duas colunas de uma edificação reservada à adoração divina e/ou Arcádia espiritual. Dizem serem as colunas do templo de Salomão, na sua parte exterior, presumo, e que são as mesmas apreciadas no Arcano II - A Papisa, mas nesta, pelo lado interno.

O Papa, O Hierofante, O Pontífice, o Grande Sacerdote, o Mestre dos Arcanos, são algumas das suas designações (signos) mais conhecidas. Esta lâmina é tida com uma das três cartas de proteção do Tarô. Com um poder de amenizar outras não tão auspiciosas em volta de si numa leitura, segundo a antiga cartomância. 

Aponta significação para uniões, sociedades e associações; contratos jurídicos, sejam escritos ou verbais, compra e venda; trabalho e casamento na taromancia contemporânea. Obs.: Ninguém será taromante sem ser tarólogo antes e sempre!

Dizemos que é a carta do preto no branco, ou como se diz aqui no meu cantão: se escreveu e não leu o pau comeu! Não tem volta com ele se não cumprir o combinado, parece título de 007, com ele só se errará uma vez. Raramente tem volta, principalmente em casos amorosos. Diz que perdoa, mas não tem rimêiques, sóurri bêibi!

Seu poder “espiritualizante” é, sobre o plano material e social, secular. Sua mediação não tem ligação direta com os desígnios divinos, apenas faz cumprir rigorosamente preceitos idealizados e outorgados por homens para outros homens de como absorvem o tal sagrado. Identificamos por analogia seu arquetípico em babalorixás, grã-mestres, gurus, lamas, padres e pastores, por exemplo.
Padre e Babalorixá
Enfim, é alguém que deve ser respeitada e acatada, por se tratar de uma pessoa de índole incontestável e firme, com atitude reta e perfeccionista, que chega ao extremo do sectarismo, em defesa dos dogmas que representa. Neste símbolo temos o alerta que devemos agir na legalidade moral, social, jurídica e espiritual e dentro dos preceitos éticos das virtudes de uma coletividade.

É um disciplinador nato, como no caso do Arcano que o precede, não discuta com ele, pois tem poder para ordenar, e o que diferencia do Imperador é que ele literalmente reza na cartilha que prega, e assim torna-se inflexível e vexado às novidades. Fato que o deixa um tanto limitado para mudanças mais significativas ou liberais. Tem que estar bem para todos, ou não estará bem para ninguém.

Em extremos, temos alguém prá lá de conservador, pudico e tradicionalista, mesmo sendo inteligente, termina em conservar rigidez mental cabeça dura, é pouco aberto a novas doutrinas ou modernidades. É capaz de ouvir, entender e até concordar, mas não aceitará. Algo como: faça como quiser desde que seja do jeito que determino. Fiel no que crê e defende, é irredutível e manipulador se necessário. 

É a figura do líder religioso ou religioso com dons de liderança. É leal, mas parcial, pois julga dentro do prévio escrito sem mais nem menos, e pela postura se torna intransigente por suas convicções, vistas como antiquadas. Responsável e zeloso pelas mesmas, porém preconceituoso quanto a tudo que não esteja em seu breviário de conduta. Condescendente, bondoso e carinhoso, ama a amizade e nutre afeição por todos, desde que não saiam do riscado, senão o bicho vai pegar sem dó ou piedade. Mas é tudo em nome de um bem que ele julga ser maior: o todo.

Viajante, quando olhar para este Arcano, pense e entenda o que ele representa para o bem organizado de uma sociedade, e não o confunda com as personagens históricas que por ventura já ocuparam cargos sacerdotais e/ou similares. 

Sua estampa entre os 22 Arcanos Maiores é um dos sinais históricos que reportam a sociedade medieval onde o Tarô surgiu em seu tempo e lugar, pelo que era percebido e tido por esta sociedade, onde fluiu nosso amado e enigmático baralho que usamos, ((eu uso! eu uso!)) para pressagiar e aconselhar... Que o Arcano V abençoe seu domingo e sua viagem!

Comentários

  1. Parabéns pela sábia expalnação sobre o papado que toma o lugar Divino sobre a sua pessoa...!!!
    Religião e algo que fortemente exerce poder sobre as pessoas...por serem incauto com respeito ao dom gratuito de DEUS... que é salvação para todos... que é unica fonte de vida, e lideres espirtuais que se da ao luxo de monopolizar leis divina... é lider de homens porque DEUS é o unico soberano...adorei seu post continue escrevendo..sempre é bom aprender e ler sobre outras opniões graça e paz seja contigo !!!!

    ResponderExcluir
  2. amigodcristo (Falbo),

    registrando mais uma vez meus agradecimentos ao seu generoso comentário, e acrescentando algo que reflito muito: que não somos melhores ou piores que os demais, mas cada um de nós está num degrau diferente de evolução pessoal e espiritual, e creio que todos alcançarão um ponto de elevação comum junto ao Criador.

    Paz, e grato por nos acompanhar!

    ResponderExcluir
  3. Muito esclarecedor!!! Acho que encontrei o que faltava para compreender melhor este arcano! Vc já pensou em escrever um livro comentando as cartas? Eu apoio!!!

    Bjs!

    ResponderExcluir
  4. Nanda, obrigado! Penso em publicar uma seleção do que julgar os melhores artigos. Bom domingo!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Viajante,

sugestões e críticas são bem-vindas.
Concorde ou discorde, jamais ofenda.
Leia antes nossa Política de Comentários.


Deixe registrado aqui o seu melhor!

Ahlan wa Sahlan!!